Favoritos de 2014 (em construção)

terça-feira, 20 de junho de 2017

As Primeiras Quinze Vidas de Harry August, de Claire North

Autora: Claire North
Titulo Original: The First Fifteen Lives of Harry August
Editora: Bertrand Brasil
Ano: 2017
Páginas: 448
Skoob
*Exemplar cedido em parceria com a editora
Sinopse: Certas histórias não podem ser contadas em uma única vida. Harry está no leito de morte. Outra vez. Não importa o que faça ou que decisões tome: toda vez que ele morre, volta para onde começou; uma criança com a memória de todo o conhecimento de uma vida vivida diversas vezes. Nada nunca muda... até agora. Ele está perto da décima primeira morte quando uma garotinha de 7 anos se aproxima da cama: “Quase perdi você, doutor August. Eu preciso enviar uma mensagem de volta no tempo. O mundo está acabando, como sempre. Mas o fim está chegando cada vez mais rápido. Então, agora é com você.” Este livro conta a história do que Harry faz em seguida, do que fez antes, e do que faz para tentar salvar um passado inalterável e mudar um futuro inaceitável.
Neste livro vamos conhecer Harry August, fruto de um estupro sofrido por sua mãe que era empregada na casa de uma das famílias mais ricas e importantes de sua região, que acaba morrendo em decorrência do parto realizado no banheiro de uma estação de trem.

Como é filho ilegítimo, já que seu pai já era casado na época, sua família paterna oferece uma pensão para que o casal que ajudou em seu parto o crie para que a sociedade não saiba de seu verdadeiro parentesco; e assim ele vive por muitos anos até que depois de um surto ele é internado em uma clínica psiquiátrica e logo depois acaba se matando.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Prometo Perder, de Pedro Chagas Freitas

Título: Prometo Perder
Autor: Pedro Chagas Freitas
Editora: Verus
Ano: 2017
Páginas: 308
Skoob
*Exemplar recebido em parceria com a editora.
Sinopse: A mais recente incursão do escritor português, que é sucesso na internet, por um universo poético e cheio de sensações, do qual leitor algum sairá o mesmo. Em uma viagem intimista e desconcertante, Pedro Chagas Freitas caminha, em Prometo perder, até o interior da emoção: da saudade ao desejo, da rebeldia à submissão, da dor ao amor, nada ficará por tocar. Permita-se sentir. “Prometo perder. Prometo por vezes fraquejar, por vezes cair, por vezes ser incapaz de ganhar. Nem sempre conseguirei superar, nem sempre conseguirei ultrapassar. Nem sempre poderei ser capaz de ir tão longe como você me pede, de te dar exatamente o que você merecia que eu te desse. O que desesperadamente te quero dar. Nem sempre conseguirei sorrir, também. “Prometo perder”. Prometo ainda me manter vivo depois de cada derrota, resistir ao peso insustentável de cada impossibilidade. Há de haver momentos em que sem querer te magoarei, momentos em que sem querer tocarei no lado errado da ferida. Mas o que nunca vai acontecer é desistir só porque perdi, parar só porque é mais fácil, ceder só porque dói construir. “Prometo perder”. Porque só quem ama corre o risco de perder; os outros correm apenas o risco de continuar perdidos. “Prometo perder”. Porque só quem nunca amou nunca perdeu.”
Olá coleguinhas, hoje eu quero dividir com vocês a inquietante experiência que é ler Pedro Chagas Freitas. Para início de conversa deixo-os avisados de que essa não é uma leitura fácil e nem rápida, mas calma que isso não é ruim. A leitura pode não ser das mais fluidas, mas compensa gloriosamente em sua profundidade.

Ano passado ganhei Prometo Falhar de Gaby e lembro que a cada quote maravilhosa (e olha que são muitas), eu mandava uma mensagem pra ela contando, como diz a expressão: é um tiro atrás do outro. Com Prometo Perder não foi muito diferente, ao final da leitura o livro está com tantas flags que eu fiquei bem pobre de marcadores.


quarta-feira, 14 de junho de 2017

Lançamento | Apenas Uma Garota, de Meredith Russo | Editora Intrínseca

Apenas Uma Garota é um dos lançamentos mais aguardados da editora Intrínseca esse mês. Escrito por Meredith Russo, o livro tem como protagonista uma garota transexual em transição passando pelos ritos de passagem da adolescência à vida adulta e tendo que lidar com uma mudança de cidade, e tudo o que isso acarreta. Ah, a modelo na capa é uma mulher trans <3

Resultado de imagem

Sinopse: 
Prestes a entrar na vida adulta, Amanda Hardy acabou de mudar de cidade, mas a verdadeira mudança de sua vida vai ser encarar algo muito mais importante: a afirmação de sua identidade. Tudo que ela mais quer é viver como qualquer outra garota. E, embora acredite firmemente que toda mudança traz a promessa de um recomeço, ainda não se sente livre para criar laços afetivos. Até que ela conhece Grant, um garoto diferente de todos os outros.

Ela não consegue evitar: aos poucos, vai permitindo que Grant entre em sua vida. Quanto mais eles convivem, mais ela se sente impelida a se abrir e revelar seu passado, mas ao mesmo tempo tem muito medo do que pode acontecer se ele souber toda a verdade. Porque o segredo que Amanda esconde é que ela era um menino.

Em seu romance de estreia, Meredith Russo retrata o processo de transição de uma adolescente transexual, parcialmente inspirada em suas próprias experiências. Enquanto traz à tona questões difíceis como dilemas existenciais, preconceito e bullying, o livro também fala de forma esperançosa e leve sobre amizade, descobertas e autoaceitação.

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Lançamento | Pape Satàn Aleppe - Crônicas de uma Sociedade Líquida, de Umberto Eco | Editora Record

Olá, leitores! Quem aqui já ouviu falar do escritor italiano Umberto Eco? Ele é o autor do aclamado O Nome da Rosa, um livro de mistério que encantou milhões de leitores ao redor do mundo, e muitos outros títulos de sucesso, como O Cemitério de Praga e História da Beleza. Agora em 2017 a editora Record irá publicar o último livro escrito por Eco, que faleceu em fevereiro do ano passado, cujo título por si só já é um mistério: Pape Satàn Aleppe; é um livro inédito de ensaios sobre assuntos da sociedade moderna atual. No site do Grupo Editorial Record se encontra um ótimo texto sobre o conteúdo do livro e seu autor, é só clicar AQUI. O livro chegará às livrarias ainda neste mês de Junho!

9788501109095.
Crises ideológicas, econômicas e políticas, individualismo desenfreado e uma relação simbiótica com nossos celulares são alguns dos elementos que compõem o ambiente em que vivemos: o de uma sociedade líquida, onde nada parece fazer sentido ou ter sequer algum significado. Neste que é seu derradeiro livro, a fim de tornar mais fácil a compreensão de nossa sociedade desnorteada, Umberto Eco nos presenteia com uma coleção de ensaios sobre tudo: de Harry Potter ao 11 de Setembro, passando pelo Twitter, os templários e questões de caligrafia. “Pape Satàn, pape Satàn aleppe”, disse Plutão no Inferno de Dante, com espanto, tristeza, ameaça ou talvez ironia. O significado do verso, ainda um mistério para nós, líquido demais, é perfeito, portanto, para caracterizar a confusão de nosso tempo e intitular esta obra.

domingo, 11 de junho de 2017

Entre Cabras e Ovelhas, de Joanna Cannon

Autora: Joanna Cannon
Título original: The Trouble With Goats and Sheep
Editora: Morro Branco
Ano: 2017
Páginas: 472
Skoob
*Exemplar recebido em parceria com a editora.
Sinopse: Inglaterra, verão de 1976. A sra. Creasy está desaparecida e a Vila borbulha com fofocas. Os vizinhos culpam a sufocante onda de calor por seu repentino sumiço, mas as pequenas Grace e Tilly não estão convencidas disso. Com o sol brilhando incansável no céu, as meninas decidem tomar o assunto em suas próprias mãos e, batendo de porta em porta atrás de pistas, percebem que todos na Vila têm algo a esconder. Enquanto a rua começa a revelar seus segredos, as pequenas detetives vão perceber que nem tudo é o que parece.

O verão de 1976 foi um período de intenso calor na Inglaterra, e os moradores de uma pequena vila sofrem com o clima. É sob um sol escaldante que essa história se desenrola, então preparem um copo de limonada bem gelado e alguns biscoitos, e se preparem para uma trama repleta de revelações e para o sentimento de nostalgia...

A sra. Creasy desapareceu. Um belo dia ela saiu de sua casa, sem sapatos, e não apareceu mais, deixando seu marido desesperado e todos na vila tentando imaginar o que aconteceu. Alguns estão preocupados, enquanto outros estão aliviados com o seu sumiço, e com o fato de alguns segredos ficarão guardados por mais tempo.


A menina que não acredita em milagres, de Wendy Wunder

Autora: Wendy Wunder
Título original: The Probability of Miracles
Editora: Novo Conceito
Ano: 2017
Páginas: 288
Skoob
*Exemplar recebido em parceria com a editora.
Sinopse: Campbell tem 17 anos. Ela não acredita em Deus. Muito menos em milagres Cam sabe que tem pouco tempo de vida, por isso quer viver intensamente e fazer tudo o que nunca fez, no tempo que lhe resta. Mas a mãe de Cam não aceita o fato de perder a filha, assim, ela a convence a fazer uma viagem com ela e a irmã para Promise um lugar conhecido por seus acontecimentos miraculosos. Em Promise, Cam se depara com eventos inacreditáveis, e, também, com o primeiro amor. Lá encontra, finalmente, o que estava procurando mesmo sem saber. Será que ela mudará de ideia em relação à probabilidade de milagres? “A Menina que não Acredita em Milagres” vai fazer você rir, chorar e repensar sua conduta de vida.

Campbell é uma adolescente de 17 anos que não acredita em milagres. Mas só um seria capaz de salvá-la do câncer em estado avançado que ela tem. Ela sabe que tem pouco tempo e os tratamentos já não fazem mais efeito, então resolve aproveitar para cumprir os desafios de uma lista que fez muitos anos antes. Ela quer viver, claro, mas não quer lutar por uma causa perdida, não quer criar esperanças em cima de algo que não dará em nada. 

Mas sua mãe pensa muito diferente, e faz de tudo para convencer a filha que milagres existem; seu próximo passo é levá-la, mesmo a contragosto, a uma cidadezinha conhecida pelos acontecimentos milagrosos que os habitantes já presenciaram. Elas empreendem então uma maluca viagem de trailer até o lugar, que guarda mais surpresas do que Cam pode imaginar.

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Lançamento | Os Novos Moradores, de Francisco Azevedo | Editora Record

O Grupo Editorial Record publicou nesta semana em seu blog sobre o novo livro do escritor brasileiro Francisco Azevedo, autor do premiado Arroz de Palma, também publicado pela Record. Os Novos Moradores tem como cenário o bairro carioca da Gávea no final da ditadura militar e acompanha os dramas que se desenrolam no interior de duas casas geminadas; um livro que promete muitas surpresas, conflitos e revelações, dos anos 70 aos dias atuais.

Seu primeiro romance publicado, Arroz de Palma, já vendeu mais de 60 mil exemplares só no Brasil e foi traduzido para 13 idiomas, e também tem seu foco sobre relações familiares e o cotidiano.


Sinopse: Neste romance, Francisco Azevedo retoma o tema da família, que o consagrou no best-seller O Arroz de Palma. O autor investe e se aprofunda no caráter intrínseco e universal das células familiares, que podem ser a de qualquer um – e aqui são duas, famílias vizinhas, morando em casas geminadas. O que se vive – e se supera – dentro delas é das mais belas e comoventes exposições da intimidade do ser humano: tramas que levam as pessoas à opção pelo silêncio sob um mesmo teto. Os novos moradores trata da convivência e da compreensão do diverso por meio da escolha radical pelo diálogo e pela reflexão. Francisco Azevedo é romancista, dramaturgo, roteirista, poeta e ex-diplomata. Além de livros e peças de teatro, escreveu para mais de 250 produções audiovisuais. Também pela Editora Record, seu primeiro romance, o best-seller O Arroz de Palma, foi finalista do Prêmio São Paulo de Literatura e já conquistou milhares de leitores em todo o mundo, traduzido para treze idiomas. É autor também do romance Doce Gabito.
No blog da editora tem uma entrevista incrível com o autor, e vocês podem conferir através deste link AQUI.