Favoritos de 2014 (em construção)

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Mais do Que Isso, de Patrick Ness

Autor: Patrick Ness
Título original: More Than This
Editora: Novo Conceito
Ano: 2017
Páginas: 432
*Exemplar cedido em parceria com a editora.
Sinopse: Um garoto se afoga, desesperado e sozinho em seus momentos finais. E morre. Então ele acorda. Nu, ferido e com muita sede, mas vivo. Como pode ser? Que lugar é este, tão estranho e deserto? Enquanto se esforça para compreender a lógica de seu pior pesadelo, o garoto ousa ter esperança. Poderia isto não ser o fim? Poderia haver mais desta vida, ou quem sabe da outra vida? Do premiado autor Patrick Ness, o mais perturbador romance Young Adult do nosso tempo. Seth tem certeza de que está morto. Ele sentiu quando a vida abandonou seu corpo. Por que, então, acordou na casa onde viveu na infância, em outro continente? Por que há bandagens coladas em sua pele? Por que existe um caixão em seu quarto? Por que a cidade está coberta de poeira? Onde está todo mundo? Lutando para se proteger em uma jornada de dúvidas, medo, solidão e lembranças — ora felizes, ora aterrorizantes —, Seth decide assumir o maior dos riscos: tentar recuperar a vida que um dia perdeu.
Patrick Ness é um premiado autor estadunidense de livros jovem adultos e de ficção científica. Aqui no Brasil alguns de seus livros já foram publicados, entre eles o lançamento mais recente, pela Novo Conceito, o livro Mais do Que Isso. Esse foi meu primeiro contato com a escrita do autor, e não me arrependi em ter começado por esse que, com certeza, é um dos livros mais loucos que já li na vida.

Aqui conhecemos Seth, um adolescente de dezesseis anos cuja família passou por um momento muito traumático enquanto moravam na Inglaterra, quando ele e seu irmão mais novo eram bem pequenos. O trauma e a culpa que sente pelo que aconteceu o persegue desde sempre, e sua vida em casa é um campo minado. Quando seu grupo de amigos é inesperadamente separado e ele se vê totalmente sozinho, Seth não acha que vai conseguir lidar com mais esse baque, e resolve dar um fim a própria vida.


Mas, depois de cometer suicídio, ele acorda. Sim, Seth acorda. Em frente a casa em que nasceu, o palco da tragédia que desestruturou sua família, seu maior pesadelo. Seu inferno pessoal.

terça-feira, 23 de maio de 2017

O Livro dos Espelhos, de E. O. Chirovici

Autor: E. O. Chirovici
Título original: The Book of Mirrors
Editora: Record
Ano: 2017
Páginas: 322
Skoob
*Exemplar recebido em parceria com a editora
Sinopse: Quando o agente literário Peter Katz recebe por e-mail um manuscrito parcial intitulado O livro dos espelhos, ele fica intrigado. O autor, Richard Flynn, descreve seus dias em Princeton, e documenta sua relação com Joseph Wieder, um renomado psicólogo, pesquisador e professor. Convencido de que o manuscrito completo vai revelar quem assassinou Wieder em sua casa, em 1987 — um crime noticiado em todos os jornais mas que jamais foi solucionado —, Peter Katz vê aí sua chance de fechar um negócio de um milhão de dólares com uma grande editora. O único inconveniente: quando Peter vai atrás de Richard, ele o encontra à beira da morte num leito de hospital, inconsciente, e ninguém mais sabe onde está o restante do original. Determinado a ir até o fim neste projeto, Peter contrata um repórter investigativo para desenterrar o caso e reconstituir o crime. Mas o que ele desenterra é um jogo de espelhos, uma teia de verdades e mentiras, e uma trama mais complexa e elaborada que a do primeiro lugar na lista de mais vendidos dos livros de ficção.

O agente literário Peter Katz recebe muitos manuscritos de escritores iniciantes, que sonham em ver seu trabalho publicado, mas nem sempre esses livros o instigam de verdade, não tanto quanto O Livro dos Espelhos, um manuscrito parcial escrito por Richard Flynn, que escreveu também uma intrigante carta de apresentação, que foi o que convenceu Peter a dar uma chance aquela leitura.

A história do livro é a do próprio autor, Flynn, de quando estava na universidade. Um homem tranquilo, sem vícios, que leva a vida sem grandes extravagâncias, sem grandes segredos ou mistérios, não até conhecer sua nova colega de apartamento, Laura Baines, por quem logo se apaixona. Ela o apresenta então ao professor e amigo Joseph Wieder, famoso na área da psicologia criminal, com quem tem uma relação no mínimo estranha, e a quem está ajudando a escrever um livro, sobre o qual nenhum dos dois parece querer falar.

A relação entre Laura e Wieder logo deixa Richard desconfiado, e mais ainda os segredos que ambos escondem, as mentiras e os jogos de manipulação e poder.


domingo, 21 de maio de 2017

Em Águas Sombrias, de Paula Hawkins

Autora: Paula Hawkins
Título original: Into the Water
Editora: Record
Ano: 2017
Páginas: 364
Skoob
*Exemplar de cortesia da editora 
Sinopse: Nos dias que antecederam sua morte, Nel ligou para a irmã. Jules não atendeu o telefone e simplesmente ignorou seu apelo por ajuda. Agora Nel está morta. Dizem que ela se suicidou. E Jules foi obrigada a voltar ao único lugar do qual achou que havia escapado para sempre para cuidar da filha adolescente que a irmã deixou para trás. Mas Jules está com medo. Com um medo visceral. De seu passado há muito enterrado, da velha Casa do Moinho, de saber que Nel jamais teria se jogado para a morte. E, acima de tudo, ela está com medo do rio, e do trecho que todos chamam de Poço dos Afogamentos… Com a mesma escrita frenética e a mesma noção precisa dos instintos humanos que cativaram milhões de leitores ao redor do mundo em seu explosivo livro de estreia, A garota no trem, Paula Hawkins nos presenteia com uma leitura vigorosa e que supera quaisquer expectativas, partindo das histórias que contamos sobre nosso passado e do poder que elas têm de destruir a vida que levamos no presente.

Nel Abbott tinha um grande interesse pelo Poço dos Afogamentos, um trecho do rio que banha toda a cidade de Beckford, Inglaterra, famoso por ter sido o local de escolha de muitas mulheres que se suicidaram, pulando de um vertiginoso penhasco para a morte certa. Na verdade, pode-se dizer que seu caso com aquele rio é de verdadeira obsessão, fotografando e escrevendo sobre aquele lugar, aquela água, única testemunha de momentos finais de tantas mulheres, de encrenqueiras.

Seu último projeto é um livro de memórias, e estava escrevendo principalmente sobre histórias de moradoras locais que morreram ali, o que estava causando muito desconforto em algumas pessoas. Mas agora Nel está morta. Encontrada já sem vida naquele que era seu objeto de maior fascínio, tendo o mesmo fim de tantas outras. Mas o que realmente aconteceu naquela noite. Teria ela sucumbido ao desespero, ou teria sido empurrada?

sábado, 20 de maio de 2017

Amizade É Também Amor, de Fabrício Carpinejar

Autor: Fabrício Carpinejar
Editora: Bertrand Brasil
Ano: 2017
Páginas: 288
*Exemplar recebido em parceria com a editora
Sinopse: Em seu novo livro de crônicas, Carpinejar não fala de amor, mas de amizade. São 122 textos ao longo de mais de 200 páginas que combinam reflexões de companheirismo e humor do cotidiano com lembranças da infância e um ou outro conselho sobre convivência. “Os amigos são para toda a vida, ainda que não estejam conosco a vida inteira. Amigo é destino, amigo é vocação”, escreve.



Fabrício Carpi Nejar, mais conhecido como Fabrício Carpinejar, é um poeta, cronista e jornalista porto alegrense, filho dos poetas Maria Carpi e Carlos Nejar, é casado com a advogada mineira Beatriz Reys e tem dois filhos de seu primeiro casamento.

Desde maio de 2011 ele escreve em uma coluna do jornal Zero Hora de Porto Alegre (RS), desde 6 de março de 2012, apresenta o programa A Máquina, na TV Gazeta e atualmente mantém o blog Consultório Poético no portal Globo.com, além de ser consultor do programa Encontro Com Fátima Bernardes, na Rede Globo.


Amizade É Também Amor, seu mais recente livro de crônicas lançado pelo Grupo Editorial Record pela Bertrand Brasil, reúne vários textos sobre relacionamentos, seja ele amizade entre pais e filhos, marido e mulher, namorados, vizinhos ou até conosco mesmos e nossos sentimentos.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Lançamentos | Grupo Editorial Record


Olá, leitores! Vim apresentar a vocês alguns dos lançamentos mais recentes do Grupo Editorial Record, e aqueles que estamos mais ansiosas para conferir!


Casada Até Quarta é o primeiro livro da série Noivas da Semana, nova aposta da editora Verus depois do grande sucesso da serie Garota do Calendário. E por falar em sucesso, o livro novo da Carina Rissi, Quando a Noite Cai, já foi lançado e promete ser um romance arrebatador! E os fãs do gênero chick-lit podem comemorar, pois esse mês temos nas livrarias o lindo (e sucesso na gringa) A Pequena Livraria dos Corações Solitários!

quarta-feira, 17 de maio de 2017

A Beleza É Uma Ferida, de Eka Kurniawan

Autor: Eka Kurniawan
Tradução de: Beauty Is a Wound
Editora: José Olympio
Ano: 2017
Páginas: 462
Skoob
*Recebido em parceria com a editora
Sinopse: A vida da prostituta mais procurada da fictícia Halimunda, Dewi Ayu, e das quatro filhas é marcada por estupros, incestos, assassinatos e fantasmas – muitas vezes vingativos. Astuta, destemida e engenhosa, Dewi levanta-se do túmulo após 21 anos para contar a própria história e desvendar alguns mistérios. Mas talvez a principal razão para o forte desejo de voltar à vida seja visitar sua quarta filha, a quem ela deu à luz antes de morrer. Seu nome é Beleza, mas foi abençoada com a feiura que Dewi tanto desejou para afastar a família da maldição da beleza. Ao contar essa história, Eka Kurniawan, o aclamado escritor indonésio, faz uma crítica mordaz ao passado conturbado da sua jovem nação: a ganância do colonialismo; a luta caótica para a independência; a ocupação japonesa; o assassinato de um milhão de “comunistas” em 1965, seguido por três décadas de governo despótico de Suharto. Combinando folclore, sátira e a formação da Indonésia, a voz inconfundível de Kurniawan – inspirada em Melville e Gogol – traz originalidade e relevância para a literatura contemporânea e oferece aos leitores o prazer na linguagem exuberante usada para descrever uma carnificina; defendendo simultaneamente a força necessária para sobreviver.

Quando vi esse livro pela primeira vez, fui totalmente conquistada pela capa, tão diferente e tão bonita. Então fui logo ler a sinopse, que desenhou um livro incrível, com uma história realmente instigante. E depois de mais uma olhada na capa e uma pesquisada sobre o autor, lá fui eu ler o livro, com as expectativas elevadas. E talvez tenha sido exatamente isso que me fez gostar tão pouco da leitura.

A Beleza É Uma Ferida é um livro de realismo mágico escrito pelo autor indonésio Eka Kurniawan, o primeiro de sua nacionalidade a concorrer ao Man Booker International Prize. E foi nos contos e no folclore indonésio que ele se baseou ao escrever sua obra, que começa da seguinte forma:
"Numa tarde de fim de semana em março, Dewi Ayu levantou-se do túmulo onde estava enterrada havia 21 anos."

sábado, 13 de maio de 2017

Mentiras Como o Amor, de Louisa Reid


Autora: Louisa Reid
Título original: Lies Like Love
Editora: Novo Conceito
Ano: 2017
Páginas: 473
Skoob
*Exemplar cedido em parceria com a editora
Sinopse: Audrey sabe que sua mãe está certa quando tenta salvá-la de si mesma. Ela sabe que tem sido injusta, por isso precisa, por seu irmão mais novo e por sua mãe, seguir em frente. Audrey tenta manter todos felizes. Juntos, eles estão em busca de dias melhores. A mãe de Audrey, à sua maneira, tenta ajudar a filha a controlar a doença para que ela possa encontrar um recomeço seguro. Então Audrey conhece Leo, mas ele torna a vida dela realmente complicada, pois essa amizade faz com que ela deseje ousar ser ela mesma, enfrentar a vida. Agora, Audrey precisará decidir: cuidar de sua família especialmente de seu irmão ou continuar sonhando com a vida que tanto deseja?
Audrey mudou-se junto com sua mãe e seu irmão caçula para uma outra cidade em busca de um recomeço depois que seu pai foi embora, ela ficou doente e sua antiga casa foi incendiada.

A garota faz de tudo para manter a família o mais unida possível, mais a paz e a união da família está abalada com o aparecimento de Léo, pois essa amizade fará com que ela ouse ter a liberdade que sua doença e principalmente sua mãe nunca lhe permitiram ter. E isso lhe levará a um empasse: continuar em sua vidinha de sempre, cuidando de seu irmão, ou buscar a vida pela qual ela sempre sonhou

Mentiras Como o Amor, escrito por Louisa Reid, mesma autora de Corações Feridos, é um livro extremamente tocante e surpreendente sobre família, amor, e mentiras.