Favoritos de 2014 (em construção)

sábado, 30 de abril de 2016

O Clã dos Cavaleiros Perdidos #1 | A Harpa Sagrada, de A.B. Ferraz.

SinopseO Rei Theike, senhor de um dos Sete Reinos do Oeste, reúne seus súditos três anos após a derrota para os povos do Leste, a fim de planejar uma revanche. O primeiro passo, no entanto, é guardar em local seguro um objeto capaz de decidir o resultado da guerra: a Harpa Sagrada, toda confeccionada em ouro e capaz de provocar o fim dos tempos. 
Para isso, convoca os herdeiros de cada um dos Sete Reinos para que formem um clã e, juntos, levem a harpa em segurança ao Templo das Fadas, guardado pela Rainha Niva e suas discípulas. 

Após um período de treinamento, os príncipes partem por terras destruídas e repletas de perigos, encontrando aliados como o índio Morcego Langäk, mas também inimigos como os terríveis Homens-Urso. No percurso, vão descobrir que a maior dificuldade será lidar com seus próprios egos e ideais.

A Harpa Sagrada é o primeiro volume da tetralogia O Clã dos Cavaleiros Perdidos e narra a jornada dos príncipes Aurun, Shadal, Mënor, Pálago, Úrios, Tom e Bürki, e da princesa Lyla, ao Templo das Fadas.




A Harpa Sagrada #1 || Skoob || 194 páginas || Editora E-galáxia 


Os reinos do Oeste estão abalados desde a última guerra, e os ventos trazem prelúdio de novas batalhas a caminho. Temendo uma nova guerra, o Rei Theirke, senhor do Sétimo Reino, resolve tomar medidas especiais para, sim, manter a paz no lugar. 

Seu plano é reunir um herdeiro de cada reino e treiná-los juntos para se tornarem cavaleiros imbatíveis. Só assim a Harpa Sagrada poderá ser levada ao Templo das Fadas.
A Harpa é um objeto belo, porém mortal. Um objeto capaz de grande destruição.
Um dos cavaleiros será Aurun, seu filho. Um rapaz forte, corajoso e inteligente, porém imprevisível e de gênio forte.  

Quando os herdeiros chegam ao reino Sete e descobrem os planos do rei Theirke, se prontificam a dar seu melhor e proteger a Harpa naquela jornada. Um  deles, o príncipe Bürki, se encanta pela princesa Lyla, filha do rei, causando em Aurun, irmão da menina, grande ciúme e raiva; pois além de ter se engraçado com sua irmã, Bürki se mostra um exímio cavaleiro e um combatente à sua altura. 

"Somos um Clã, e não vamos abandonar ninguém enquanto tivermos objetivos em comum."


Quando enfim partem para a maior aventura de suas vidas, aqueles cavaleiros logo entendem a verdadeira dimensão daquilo tudo. O reino das fadas, para onde estão indo, é um lugar sobre o qual já não se tem notícias há muito tempo. Armados com coragem e senso de dever, eles enfrentam os perigos da estrada, e de suas próprias mentes. 

Enquanto viajam, muita coisa acontece no reino sete, onde os ânimos estão cada vez piores.

Uma fantasia repleta de ação, personagens incríveis e reviravoltas; A Harpa Sagrada é um livro que, assim que prende o leitor em suas páginas, fica difícil largar. Um prato cheio para os fãs do gênero. 

"Como poderia ser um grande guerreiro sem ter experimentado um sentimento nobre como o amor? Talvez o mais nobre dos sentimentos?"

Não costumo ler livros de fantasia, principalmente fantasia épica, porém me interessei muito pela premissa desse livro, que se mostrou um grande exemplar do gênero na nossa literatura nacional. 
Por ser o primeiro de uma serie, temos uma introdução ao mundo criado pelo autor e uma amostra do que poderemos encontrar nos próximos; ainda assim, A.B. Ferraz não economiza em ação e tensão, além de introduzir criaturas e animais diferentes no enredo, sendo ainda mais original. 

Além disso, temos um belo romance que se desenvolve entre essas páginas. Romance esse que não limita o enredo, mas é de extrema importância para o desenrolar da narrativa, em terceira pessoa. 

Curto, o livro possui menos de 200 páginas, e é fácil de ler. Demorei mais que o normal, pois infelizmente não pude me dedicar 100% à leitura em formato digital. 

Me surpreendi demais com esse livro! É muito bem escrito, movimentado e original. Realmente gostaria de ter um exemplar na minha estante, mas por enquanto o livro só será comercializado em e-book, pelas lojas Saraiva e Amazon, onde está com um preço bem bacana! 

Fica aqui a indicação de uma excelente fantasia nacional!

Sobre o autor:

Antonio Bento Ferraz nasceu no Rio de Janeiro, é ator e escritor. Escreveu sua primeira peça de teatro aos 17 anos, História de Vina – O Musical, encenada no Teatro Tablado (RJ). É um dos criadores e também roteirista do canal de humor AtuRando, eleito Melhor Web Série Brasileira de 2015. Tem paixão por literatura de fantasia como O Senhor dos Anéis, que costumava ler com seu pai, o ator e diretor Buza Ferraz, falecido em 2010. O Clã dos Cavaleiros Perdidos – A Harpa Sagrada é seu primeiro romance.


*Livro digital cedido para resenha.

17 comentários :

  1. Oi Gabi, achei essa capa linda, e não conhecia esse livro. Fantasia é um gênero que chama muito a minba atenção. Você soube expresssar ben suas opiniões nos comentários e do quanto se surpreendeu com o enredo. E é por isso que fiquei mais motivada para conferir.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é mesmo muito linda!
      Espero que leia e curta bastante, Fer :D
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Gabrielly,
    Adorei a premissa desse livro, adoro ler fantasia. É bom ver autores nacionais se dedicando a esse gênero. A capa é linda! É bom saber que o romance não atrapalha a história! Provavelmente irei ler em breve. Os outros volumes já foram lançados?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, Anna. Os outros volumes ainda não foram lançados :/ Mas logo serão e espero ter a oportunidade de lê-los também. Quando ler me conta o que achou! ;D
      Beijos

      Excluir
  3. Olá Gabrielly,
    Gosto muito de ler fantasias e fantasias épicas são minhas preferidas.
    Gostei muito da premissa desse livro, fiquei bem curiosa para saber como funciona essa Harpa e como os soldados lidarão com essa aventura.
    Achei, como você disse, que foi uma boa introdução e já anotei a dica.
    Espero ter a oportunidade de ler em breve.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  4. Oi, Gabrielly!
    Gostei da premissa do livro, faz tempo que não leio fantasia mesmo gostando do gênero. Fiquei curiosa e assim que tiver oportunidade vou ler o livro. :)

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  5. Eu gosto muito de fantasia e esse enredo me interessou bastante. Achei um universo bem complexo e que deu vontade de explorar e conhecer. Gostei da trama e fiquei curiosa para fazer essa leitura. Só não gostei muito da capa e do título, mas da história eu gostei bastante.

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem com você?
    Quem não gosta d e uma boa fantasia em? Eu particularmente e amo livros assim, é esse daí me deixou bem curioso para saber que fim vai levar a história. A capa estáuito linda que ajuda bastante quando o assunto é livros fantásticos,ele tem mesmo que usar de artifício pra impressiona já de cara o leitor. Adorie, espero conhecer mais sobre a obra.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Não sou muito de ler fantasia, mas este plot aqui me interessou bastante. Fiquei curiosa quanto as reinos e acho que será uma leitura bem gostosa pra mim.
    Espero poder ler em breve.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá flor, adoro o gênero e já vou anotar a dica aqui pois não conhecia a obra ainda. adorei a resenha, parece ser uma aventura ótima.

    Abraços

    ResponderExcluir
  9. ô, mulher. eu até curto fantasia e o enredo desse me pareceu bacana, desanimei um pouco por ser mais de um livro, mas se forem curtos assim posso até dar uma chance... maaaas em ebook não dá :(
    quem sabe se lançarem versão física eu me aventure por ele...
    bjs... ^^

    ResponderExcluir
  10. Oi, Gabi! Fantasia é um dos meus gêneros preferidos e eu me interessei pela história. Tudo bem que o fato de ser uma série dá aquela desanimada básica, mas eu to muito disposta a conhecer mais! :) Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Leio muito pouco do gênero, não sou muito fã e são poucas as obras que realmente me chamam a atenção... Apesar de ter gostado das características positivas que você destacou não me arriscarei na leitura, simplesmente, porque tenho muitos livros que fazem meu gênero me esperando na estante e no momento ando priorizando eles.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  12. Eu adoro fantasia, então fiquei bem interessada nesse livro. Essa jornada parece ser incrível e já imagino os problemas que esse clã irão passar para chegar ao seu destino. Adorei a resenha, mas fiquei desanimada por ter o livro apenas em e-book. Espero que mais para frente isso mude.


    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura - Participe do top comentarista de maio, serão dois ganhadores.

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Que capa linda, adoro livros de fantasias são ótimos para esquecer os problemas e a realidade rs'
    Parece ser uma história incrível e com aventuras. Pena que só tem e-book, ainda não me acostumei a ler e-book só em casos urgentes mesmo, mas espero que sai em livro físico.

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bom?
    Adoro livros de fantasia, fiquei bastante curiosa para lê-lo depois da sua resenha. Pena que só tem em e-book! Mas parece ser uma história incrível. Parabéns pela resenha. Fiquei curiosa para conhecer os problemas que esse clã irá enfrentar para chegar ao seu destino.
    Beijocas, Rob

    ResponderExcluir
  15. Adoro fantasia, especialmente quando temos cavaleiros e mistérios. Por ser nacional tem um gostinho a mais. Adorei a resenha e com certeza leria o livro se tivesse oportunidade *-*

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!