Favoritos de 2014 (em construção)

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Angus - O Primeiro Guerreiro, de Orlando Paes Filho

Resultado de imagem para angus o primeiro guerreiroAutor: Orlando Paes Filho
Editora: Novo Conceito
Série: Angus #1
Ano: 2017
Páginas: 368
Skoob
*Exemplar cedido em parceria com a editora
Sinopse: Bretanha, ano de Nosso Senhor de 863. Uma invasão dos homens do norte arrasa a Ilha da Bretanha. Cidades e monastérios são deitados ao chão. Os invasores fazem frente aos maiores reis da Bretanha, tudo se torna árido pela devastação. A morte se espalha por toda parte. Mas há um guerreiro de nome Angus MacLachlan que não parece tombar diante dos ataques daneses. Ele não se curva aos dominadores nórdicos. Parece abençoado, luminoso, assim como luminosa é sua espada a espalhar cadáveres dos invasores. Ele liberta os cativos e propõe uma nova resistência. Unifica reis. Um oponente terrível contra a invasão, que tenta destruir a Bretanha e seus reinos para sempre.
Neste livro vamos conhecer Angus MacLachlan, um jovem de 16 anos, filho de Seawulf Yarlansson um Jarl nórdico e de Birgid MacLachlan, uma cristã da Terra dos Escotos, sendo assim ele cresceu aprendendo sobre as duas religiões.

Angus sonha em se tornar um guerreiro de verdade, e por isso vai em sua primeira expedição rumo à Terra dos Anglos do Leste na companhia de seu pai e de outros homens que foram convocados por Ivar Sem-Ossos à se juntar ao seu exército viking afim de vingar a morte de seu pai Ragnar. Mas enquanto Ivar quer vingança a qualquer custo, Seawulf está ali apenas pela aventura.


Ivar, sedento por vingança, quer o sangue de todos cristãos e então da inicio a maior carnificina que Angus nunca sonhou em presenciar. No meio dessa batalha Angus acaba fazendo a primeira vítima de sua vida, mas também perde seu melhor amigo e seu pai. Depois de presenciar essas mortes tão covardes, Angus consegue fugir. Mas por estar ferido, ele padece sozinho no meio da floresta.

Tudo parece perdido para Angus, até que Nennius, um monge muito sábio, o encontra, dá abrigo em seu monastério e lhe ensina as sete virtudes A partir desse encontro a vida de Angus muda completamente; quanto mais ele aprende com o sábio, mais ele percebe que o que vinha fazendo até aquele momento não tinha nenhum propósito real e começa a ver a vida sob outra perspectiva, até que decide se converter de vez a religião de sua mãe.


Assim que ele absorve todos os ensinamentos e sente que está pronto, ele parte em busca de vingança pela morte de seu pai e também para tentar dar um fim aos assassinos​ antes que eles acabem com todos na Bretanha.

No caminho ele conhece Owain, que vai o ensinar tudo aquilo que ele ainda não sabe sobre combates e guerras. Mas nem a vingança o deixa satisfeito, e em um certo dia outro velho sábio cruza seu caminho e o alerta sobre sua verdadeira missão, e que ela só será possível com a ajuda de uma espada mágica.

O Primeiro Guerreiro do autor Orlando Paes Filho, é um livro surpreendente que aborda vários temas, sobretudo ​a fé.


Sobre Minha Experiência de Leitura: Quando comecei a leitura fiquei impressionada com seu lado sombrio e logo o associei a Os Filhos de Hurin, do Tolkien. No decorrer da leitura fui achando muito semelhante ao O Silmarillion também do autor, por ter uma mitologia baseada no cristianismo.

A escrita do autor não me fisgou de primeira, infelizmente; achei muito lenta e descritiva no quesito batalhas, mas isso foi por não estar mais tão acostumada a leituras desse tipo, já que faz algum tempo que não lia nada tão complexo assim dentro do gênero. Mas quando me acostumei ao estilo da narrativa, a história e a mensagem passada me ganharam as poucos, até que me percebi completamente dentro dela.

A história é contada pelo ponto de vista do protagonista, e isso foi ótimo, pois ver tudo o que acontecia ao seu redor e acompanhar todos os seus pensamentos e sentimentos foi algo que me fez torcer muito por ele o tempo todo. Acompanhar o crescimento do Angus foi incrível!


Senti falta de descrições de personagens e ambientes durante a leitura, mas pelo menos no que se trata dos personagens, as ilustrações, ricamente detalhadas que encontramos no livro, ajudam bastante.

A mitologia criada aqui é grandiosa, estou animadíssima para conferir os próximos livros da série. A edição está maravilhosa, com várias e belíssimas ilustrações feitas pelo próprio autor. Não encontrei erros de revisão.

Indico muitíssimo a todos os fãs de fantasia, tenho certeza que irão se encantar e surpreender com a trama e com os personagens do Orlando!

26 comentários :

  1. Nossa adorei achei muito interessante, vou marcar no meu skoob para ler

    ResponderExcluir
  2. Oi, que legal seu blog! Belo, singelo e organizado!

    Sobre o post, o livro parece conter algumas "receitas clássicas" da literatura. Vingança, aprendizado e missões são quase chavões dos épicos literários. Não sou muito fã de livros do gênero... Porém, hei de convir que sua resenha é justa, equilibrada, bem escrita e honesta.

    Parabéns pelo trabalho, pela opinião sincera e pelo blog!

    Curti vir aqui!

    O.C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Oscar! Fico muito feliz que tenha gostado da resenha e do blog, muito obrigado!

      Excluir
  3. Oie

    Achei muito linda a capa desse livro.
    Eu gosto muito de mitologia, mas confesso que ser muito descritivo e lento de começo me desanima um pouco. Só preciso vencer isso rs, porque achei bastante interessante pela resenha.
    Já anotei para quem sabe uma futura leitura.
    Parabéns pela resenha.

    bjs
    Fernanda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda!

      A capa desse livro é muito linda mesmo; a história só é descritiva nas partes de batalhas, espero que dê uma chance para essa leitura algum dia e que goste quando a fizer. Beijos

      Excluir
  4. Olá, Maria!
    Tudo bem?
    Eu resenhei Angus esses dias, achei o livro bem legal. Gostei da sua resenha, as fotos ficaram lindas. Estou animado para ler os próximos livros da série.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Estou bem e você? Tambem estou bastante animada para fazer a leitura dos próximos livros. Fico feliz que tenha gostado da resenha e das fotos, obrigada! Beijos

      Excluir
  5. sou fa de fantasia, mas confesso que esse livro nao me chamoou atençao, contudo, achei a capa bem bonita.. o fato que vc comentou sobre ele, falando ainda q eh descritivo e que em algumas partes faz isso a leitura ficar mais arrastada me incomodou bastante..

    perolasdelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ludmila! O livro só é descritivo até a metade, depois melhora; espero que dê uma chance a essa leitura, já que é fã desse gênero, acho que irá gostar. Beijos

      Excluir
  6. Nossa que livro mais lindo menina, é de realmente tirar o fôlego, cada palavra que tu descreveu me fez querer conhecer o mundo de Angus, dica muito mais que anotada.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana! Esse livro é lindo mesmo; fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura também. Beijos

      Excluir
  7. Eu gosto de livros do tema mas mitologia cristã eu nunca li e pelo que vi na sua resenha eu acho que não me envolveria com o livro. Até achei a premissa interessante mas no geral não creio que a leitura me agradaria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena que não tem interesse na leitura, Beatriz! Beijos

      Excluir
  8. OOI!
    Confesso que a premissa do livro não chamou muito minha atenção, acho que por conta do gênero, que é um que não gosto tanto. Mas, que bom que gostou! E parabéns pela resenha e pelas fotos lindas.
    Beijoos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Catrine, que pena que não tem interesse na leitura! Mas fico feliz que tenha gostado da resenha e das fotos. Obrigada! Beijos

      Excluir
  9. São poucos os livros com mitologia nórdica que li, e já estou de olho neste livro. Ainda bem que você se acostumou logo com a narrativa do livro, seria tão ruim caso isso não acontecesse. Adorei esta capa.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rose!

      A narrativa é bem lenta até metade da leitura, mas vale muito a pena fazê-la, espero que goste. Beijos

      Excluir
  10. Oie Amore,
    Apesar de sua resenha e fotos muito bem feitas, confesso que não me chamou a atenção não, por isso vou passar a dica dessa vez.

    Beijoka!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazi!

      Que pena que não tem interesse na leitura! Mas fico feliz que tenha gostado da resenha e das fotos. Beijos

      Excluir
  11. Olá, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas sua resenha conseguiu me deixar curiosa.
    Fantasia é um dos meus gêneros literários favoritos e achei a premissa desse muito interessante. A única coisa que me desanimou um pouco foi saber que é um livro mais descritivo e com uma leitura mais lenta. Como ando meio sem tempo, acho que vou deixar essa dica para mais pra frente.
    De qualquer forma, adorei a resenha e já deixei o nome do livro para ler depois.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria Luiza!

      Fico feliz que tenha interesse em fazer essa leitura, pois apesar da lentidão, ela vale muito a pena no final. Espero que goste! Beijos

      Excluir
  12. Eu fui no lançamento ( ou relançamento rs) do livro, tive a oportunidade de entrevistar o Orlando e amei bastante.
    Os livros em si, são sensacionais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ary!

      Os livros são muito bons mesmo, não vejo a hora de poder fazer a leitura do restante da série! Beijos

      Excluir
  13. Oie, tudo bem?

    Não sei o que mas algo no enredo me incomodou ):

    Nunca me dei muito bem com batalhas e me pareceu, logo pela capa, que o livro é todo baseado nisto. Não posso julgar pela capa, eu sei hahaha

    Mas caso tenha oportunidade em realizar a leitura, ficarei mt feliz em conferir todos os pontos destacados na sua resenha!

    Uma pena ser falho nas descrições dos personagens/ ambientes. Acho que isso é o ponto mais importante em qualquer obra.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda!

      Grande parte do livro é composto por batalhas sim, mas elas são importantes para o enredo. Espero que goste da leitura caso venha a realizá-la. Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar!