Favoritos de 2014 (em construção)

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

A Invenção de Hugo Cabret, de Brian Selznick

Resultado de imagem para a invenção de hugo cabret livro
Autor: Brian Selznick
Titulo Original: The Invention of Hugo Cabret
Editora: Edições Sm
Ano: 2007
Páginas: 534
Skoob
Sinopse: Hugo Cabret é um menino órfão que vive escondido na central de trem em Paris dos anos 1930. Esgueirando-se por passagens secretas, Hugo toma conta dos gigantescos relógios do lugar: escuta seus compassos, observa os enormes ponteiros e responsabiliza-se pelo funcionamento da máquinas. A sobrevivência de Hugo depende do anonimato: ele tenta se manter invisível porque guarda um incrível segredo, que é posto em risco quando o severo dono da loja de brinquedos da estação e sua afilhada cruzam o caminho do garoto. Um desenho enigmático, um caderno valioso, uma chave roubada e uma homem mecânico estão no centro desta intrincada e imprevisível história, que, narrada por texto e imagens, mistura elementos dos quadrinhos do cinema, oferecendo uma diferente e emocionante experiência de leitura.

Neste livro vamos conhecer Hugo Cabret, um menino de 11 anos, filho de um relojoeiro que vive na Paris da década de 30. Hugo sempre demostrou muito interesse e admiração pelo trabalho do pai, e tinha muita curiosidade em entender como funcionava cada peça e cada engrenagem dos relógios que seu pai concertava.
"Gosto de imaginar que o mundo é uma grande máquina. Você sabe, máquinas nunca tem partes extras. Elas têm o número e tipo exato das partes que precisam. Então imagino que se o mundo é uma grande máquina, eu também estou nele por algum motivo. E isso significa que você também está aqui por alguma razão."


Um dia o pai de Hugo encontrou um autômato no deposito do museu onde trabalhava e os dois tomam como missão consertar aquela máquina tão encantadora e curiosa. Mas, a vida dele muda completamente do dia para a noite quando seu pai acaba falecendo em um incêndio acidental no museu onde trabalhava.


Agora órfão, ele então passa a morar com o tio, um bêbado, que mora em uma antiga estação de trem, onde também trabalha na manutenção dos relógios.

"Por isso maquinas quebradas me deixam tristes. Não servem a seus propósitos. Talvez seja assim com as pessoas. Perder o nosso propósito é como estar quebrado." 

Mas, em certa noite, o seu tio desaparece misteriosamente e o trabalho de cuidar de todos os relógios da estação fica sob responsabilidade de Hugo. Ele então, passa a viver escondido, pois se descobrirem que ele está sozinho no mundo, vão manda-lo direto para um orfanato. Sozinho, Hugo se vê obrigado a roubar comida para sobreviver e também peças para concertar o automato.

E é a partir dai, quando Hugo é pego pelo dono da loja de brinquedos, roubando as peças para o automato, que sua vida toma um rumo inesperado.

Sobre minha experiencia de leitura: Conheci a historia de A Invenção de Hugo Cabret através de seu filme que foi lançado em 2011, e me apaixonei completamente por tudo que vi.


E o livro é igualmente apaixonante; de forma simples e tocante, ele instiga a curiosidade do leitor, que fica preso à narrativa até seu desfecho e não veem o tempo passar, e quando nos damos conta, o livro já acabou.


Pode não parecer, mas a leitura é bem rápida e gostosa de ser feita, apesar de o formato do livro ser grande, pois ele é cheio de ilustrações extremamente detalhistas e a escrita do autor Brian Selznick é muito fluida e envolvente .

O livro é narrado pelo próprio Hugo, o que torna a leitura muito mais tocante. Os personagens e ambientações são muito bem construídos e as ilustrações ajudam muito na nossa imersão na vida dos personagens.

Eu não sei exatamente o que me fez ficar tão encantada com essa história, então recomendo que leiam o livro e também assistam ao filme para que assim possam tirar suas próprias conclusões.

32 comentários :

  1. Oi
    O livro é ótimo, o filme lindo.
    E como sou apaixonada não só por livro, mas pelo cinema, então sou suspeita hehhe
    Bela resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rosana! Sou apaixonada pelos dois igualmente. Beijos

      Excluir
  2. Oi!
    Também conheci a história pelo filme e acabei adquirindo o livro em um sebo por um valor super baratinho e foi uma compra que valeu muito a pena pois a trama de Hugo é incrível e muito tocante, sem falar na edição magnífica que a editora fez. Adorei saber que você também gostou do livro pois conheço pouquíssimas pessoas que o leram.
    Beijos!
    Por Livros Incríveis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa! Pós é, é uma pena que uma história tão maravilhosa quanto essa seja tão pouco conhecida. Fico feliz que também tenha gostado tanto quanto eu dessa leitura. Beijos

      Excluir
  3. Olá, só tinha visto o filme e achei ele bem bonitinho. Suas concepções sobre o livro me fizeram até sentir saudades do livro e eu quero conhecer o livro sim se tiver oportunidade. Beijos e obrigada pela dicA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cat! Fico feliz que tenha gostado da dica e espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      Excluir
  4. Olá
    Hugo Cabret \o/
    Amo o filme, é tão lindo, tocante, divertido, uma doçura de filme, preciso criar vergonha e ler o livro, eu leio tantos livros enormes, e ainda não li esse, como assim!!
    Agora sabendo que ele é recheado de ilustrações, acho que agora vai o//

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daniele! Leia-o sim, ele é muito rápido e gostoso de ler. Beijos

      Excluir
  5. Oii lindinha, como vai?
    Menina eu só assisti ao filme e sou apaixonada, em relação ao livro sempre quero ler, mas o acho tão caro para comprar e chega a dar uma tristeza no meu coração, parabéns pela resenha que está incrível e só me deixou louca aqui aaahuahauahau
    Beijinhs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana! Estou bem e você?
      Leia o livro, você vai se apaixonar por ele também. Fico feliz que tenha gostado da resenha. Beijos

      Excluir
  6. Assim como você, também me apaixonei pelo filme. Adorei o livro ser cheio de ilustrações, o que gosto muito. Fiquei louco de vontade pra ter. Adorei a resenha.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Evandro! Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  7. Oi, assisti o filme duas vezes. É muito bonito!
    Sua resenha me deixou louca de vontade para ler o livro. Ainda mais, sabendo que é tão bom quanto o filme!

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cidalia! Fico feliz que tenha gostado da resenha e que tenha ficado com vontade de realizar a leitura. Beijos

      Excluir
  8. Olá! Eu vi o filme e me encantei com a história e também amei sua resenha. Imagino o quanto o livro deve ser emocionante. É uma história rica e deliciosa, um clássico, Beijos!

    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha; esse livro é tão bom quanto o filme; espero que goste quando tiver a oportunidade de realizar essa leitura. Beijos

      Excluir
  9. Olá, tudo bem?

    Não conhecia esse livro é não conheço o filme, mas a premissa parece bacana, mas ainda assim, acho que vou optar por ver o filme, ando meio preguiçosa. rs
    Fiquei curiosa pra saber o que acontece com o menino após ser pego. Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana! Estou bem e você? O filme é muito fiel ao livro, então super recomendo ele também. Beijos

      Excluir
  10. Oii,

    Estava bem curiosa para ver o filme, que parece ser bem bacana. E agora já quero ler esse livro, que parece ter o mesmo encantamento que o filme. Estou curiosa para conhecer essa história.

    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Espero que goste de ambos tanto quanto eu. Beijos

      Excluir
  11. Oi
    como você eu conheço essa história pelo filme de 2011 que se não me falha a memória vi em um final de ano, não sabia que tinha um livro que originou o filme, fiquei curiosa, mas não sei se leria, eu gostei do lirismo da história, mas não sei se amaria a ponto de colocar na lista interminável de livros que tenho para ler

    Talita - viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Talita! Espero que goste da leitura quando decidir dar-lhe uma chance. Beijos

      Excluir
  12. Olá!
    É claro que conheço a história por nome mas nunca tive a vontade de ler ou assistir, acredita? Me chamou a atenção mas no momento não acho que seja uma leitura extraordinária e essencial, então acredito que deixaria a dica um pouco mais para a frente.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carolina!
      Espero que goste da leitura quando resolver fazê-la. Beijos

      Excluir
  13. Adoro esse tipo de livro em que a gente nem vê o tempo passar, e além disso sou louca por ilustrações. Ser narrado pelo Hugo deve tornar tudo mais tocante mesmo, gostaria muito de ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju! Fico feliz que tenha interesse na leitura e espero que goste da experiência quando a realizar. Beijos

      Excluir
  14. Olá, tudo bem? Até hoje só conhecia essa história pelo filme. Confesso que sempre quis ler o livro mas deixava passar. Sua resenha me instigou a lê-lo. Adorei <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol! Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  15. Olá.
    Assisti o filme uma vez, mas não assisti desde o incio certinho, mas o filme é legal. Fiquei feliz em saber que a narrativa do livro é boa.
    A capa do livro está maravilhosa, eu simplesmente amei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa do livro faz jus a história (tanto do filme quanto do livro). Beijos

      Excluir
  16. Oiiiii! Esse livro? Amei tanto o livro como o filme, sabe da melhor? Meu primeiro contato com essa obra foi por conta de que jogaram esse livro no meu quintal rs, sério! Jogaram e estava em perfeitas condições e claro cuidei e está na minha estante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba que sorte! Queria ter um visinho desses hahaha
      Fico feliz que goste dessa história tão maravilhosa. Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar!