Favoritos de 2014 (em construção)

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

George, de Alex Gino

George
Autor: Alex Gino
Editora: Galera Júnior
Ano: 2016
Páginas: 144
Skoob
*Exemplar cedido em parceria com a editora.
Sinopse: Quando as pessoas olham para George, acham que veem um menino. Mas ela sabe que não é um menino. Sabe que é menina. George acha que terá que guardar esse segredo para sempre: ser uma menina presa em um corpo de menino. Até que sua professora anuncia que a turma irá encenar “A teia de Charlotte”, e George quer muito ser Charlotte, a aranha e protagonista da peça. Mas a professora diz que ela nem pode tentar o papel porque... é um menino. Com a ajuda de Kelly, sua melhor amiga, George elabora um plano. E depois que executá-lo todos saberão que ela pode ser Charlotte — e entenderão quem ela é de verdade também.


Neste livro vamos conhecer George, uma garota de 10 anos que nasceu no corpo de um menino. Ela mora sozinha com a mãe e o irmão mais velho desde que seu pai foi embora com outra mulher; George também tem uma melhor amiga, Kelly, que está sempre ao seu lado.

E é sobre isso que esse livro vai tratar; sob o plano de fundo de uma peça teatral, A Menina e o Porquinho, que vai ser encenada pela sua turma do colégio, George vai começar a se questionar sobre  como quer ser vista pelas pessoas a sua volta.

Tudo começa com seu desejo de interpretar Charlotte, a Aranha, que é seu personagem favorito na peça. Ela  até ensaia as falas da personagem com sua amiga Kelly; mas quando chega o dia dos testes de elenco e George encena a aranha, sua professora acha aquilo um absurdo, e mesmo que ela tenha sido o melhor intérprete da personagem, o papel de Charlotte acaba indo para Kelly.

A partir dai, os dois, juntos, começam a bolar um plano para que George possa interpretar Charlotte, e mais que isso, para que, depois dessa peça, todos descubram quem ela realmente é.

George, primeiro livro do autor Alex Gino, é um livro extremamente tocante sobre autodescoberta, preconceito e aceitação.


Sobre minha experiencia de leitura: Desde que a publicação brasileira do livro foi divulgada pela Galera Record, fiquei imediatamente curiosa para fazer a leitura, pois, apesar de já ter feito muitas leituras sobre a temática LGBT, nunca antes havia me deparado com um personagem transsexual.


E fiquei muito feliz quando soube que através da parceria do blog com a editora ele poderia ser solicitado; e óbvio que não pude deixar essa oportunidade passar. O livro foi solicitado, fiz a leitra o mais rápido que pude e agora tenho o prazer de trazer a resenha aqui para vocês.

Apesar de o livro ter sido escrito especialmente para o publico infantojuvenil, ele é um livro para o publico em geral, nas próprias palavras do autor: "para todos aqueles que já se sentiram diferentes"; em momento algum me senti fora do nicho de leitores alvo dessa obra; a escrita do autor é super fluida e cativante, e seus personagens são muito bem construídos.

Uma parte que não posso deixar de ressaltar aqui é que, durante toda a narrativa o autor se refere a George como 'A  George', o que é mais um diferencial do livro e também super importante para que o leitor (principalmente as crianças) não esqueçam que a personagem é uma menina em um corpo de menino.


A unica coisa que me incomodou foi o final do livro, achei que o autor poderia ter desenvolvido muito melhor o desfecho da história da George; foi muito corrido, insatisfatório e até sem noção pra mim; queria muito mais; acho que em mais uns dois ou três capítulos daria pra ter desenvolvido um desfecho mais completo, digamos assim.

Mas enfim, leiam George, pois, apesar do final corrido, o livro é super importante na nossa sociedade atual, principalmente sendo voltado para as crianças.

48 comentários :

  1. Olá
    Adorei poder ler seus comentários sobre o livro, especialmente porque estava cheia de curiosidade para saber mais a respeito. Eu gostaria de poder ler e não tenho dúvidas sobre sua importância.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fer!
      Fico feliz que tenha gostado da dica e espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      Excluir
  2. Oi Maria!
    Quando esse livro foi lançado aqui fiquei também bem interessada. Apesar de ter lido só um livro que trata da temática LGBT, fiquei bem curiosa a respeito desse.
    É um assunto tão importante quanto os outros, mas que tem uma visibilidade menor e que muitos tem menos conhecimento sobre. E achei bem importante ser voltado para um público infantil e tratar como 'A George'.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carolina!
      Esse livro é mesmo muito tocante e importante; espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      Excluir
  3. Olá
    Menina, acho que não daria certo eu com dinheiro rsrs, pois eu compraria o catálogo da Galera Junior todo, pois mais o do que ninguém, u sou fã de livros Infatojuvenis. Eu já conhecia a obra e também estou muito louco para ler. O enredo em si muito tocante e parece ser bem bacana, com um livro do gênero pede. Adorei ler a sua resenha e ver sua empolgação para ler a obra. Até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Manoel!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  4. Desde quando começaram a falar do livro, já me interessei pela abordagem e pela coragem da autora trazer este tema par ao universo infantil, quando muitos adultos nem gostam de conversar sobre isso. Já estou apaixonada pelo George e quero muito ler.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ivi, eu também achei muita coragem do autor em escrever um livro sobre essa temática voltado para crianças e também da Galera Júnior por tê-lo publicado; espero que ele seja muito lido e conhecido ao redor do mundo. Fico feliz que tenha gostado da dica e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  5. Oi!

    A transsexualidade ainda é um tabu muito grande da nossa sociedade. As pessoas simplesmente não aceitam que crianças também podem sentir-se incomodado com seu corpo, com quem ela ''é socialmente". Achei a autora bem ousada ao escrever sobre isso e me parece de uma forma muito delicada e tocante. É uma pena que o desfecho poderia ser melhor, mas acho que vale a leitura né? Adorei a sua resenha e espero ler ainda esse ano.

    bjs =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anelise!
      Sim, vale muito a pena fazê-la, o tema é muito importante e deve ser debatido incansavelmente pra que as criança e das gerações futuras não perpetuem esse preconceito e desrespeito que, infelizmente andam tão aparentes na nossa sociedade atual. Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando a fizer (e que passe essa indicação de leitura pra frente principalmente). Beijos

      Excluir
  6. Olá Maria Eduarda,
    Estou com esse livro aqui em casa para ler em inglês e vou tentar fazer isso o quanto antes.
    Adorei conhecer sua opinião sobre a obra, achei muito legal o autor se referir como A George e também mostrar que podemos ser quem queremos. É algo bastante complicado quando uma pessoa 'nasce no corpo errado'.
    É uma pena que o final do livro não tenha te agradado. Acho que ele tinha TUDO para ser perfeito, mas não foi por causa do final. Espero ler em breve e te conto o que achei.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna! Espero que goste da leitura quando a fizer, o mundo precisa conhecer esse livro, mesmo com o final meio fail que ele teve. Boa leitura e depois me diz o que achou! Beijos

      Excluir
  7. Olá!
    Esse livro tem um tema muito polêmico e faz os pais e todos refletir. Fiquei pensando como deve ser para uma criança sofre esse dilema.
    Adorei a sua resenha e vou anotar a sua dica.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suelen! Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  8. Oiee ^^
    Eu também já tinha lido outros livros de temática LGBT, mas nunca com um personagem trans. Achei a história incrível, mas de partir o coração em alguns momentos, né? A angústia que a George/Melissa sentia por não saber o que fazer, como agir, como contar que era uma menina. Eu também achei o final um tanto desconexo, mas, tirando isso, o livro é maravilhoso!
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dryh!
      Sim esse livro é maravilhoso apesar do final. Fico feliz que tenha gostado. Beijos

      Excluir
  9. O autor abordou o tema de forma simples e profunda. O blog está de parabéns por trazer essa dica. Só pela resenha pude sentir o drama e o peso que a personagem enfrenta em sua vida, que para os de fora pode parecer mil coisas, menos um sentimento e um sofrimento real. Muitas crianças enfrentam bullyng e é preciso enxergar o ser humano além das aparências.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Evandro!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha. Abraço

      Excluir
  10. Oi Eduarda, quero muito ler esse livro, nunca li um livro nessa temática e esse é um dos motivos pelo qual estou louca para ler, e segundo essa capa simplista muuuuuuuuuito fofa. E também o que mais me chamou atenção é sobre a identidade do autor ou autora, que o que me parece ele/ela pediu pra não revelar seu gênero. estou muito curiosa e pretendo ler em breve!

    https://sobrelivroseliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia!
      Fico feliz que tenha gostado da dica e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  11. Oie!
    com certeza que é um livro para o público em geral, principalmente por se tratar de um tema tão atual, onde todos precisam conhecer e a aceitar. É um livro que estou curiosa desde o lançamento, mas ainda não tive a oportunidade de ler. Espero ler em breve.

    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla! Espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  12. Oi, flor. Que pena que o desfecho é um pouco corrido, mas gostei bastante da premissa. Quando li a sinopse nas livrarias, há duas semanas, adicionei a obra entre as que desejava conhecer. Mas essa é a primeira resenha que leio a respeito e, de fato, é um drama que não posso desconsiderar. Parece ser mesmo um ótimo livro! Aliás, também acho que não é somente para o público infantojuvenil. :)

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Francine!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha, esse livro é ótimo mesmo; espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      Excluir
  13. Oiiii, tudo bem? Eu estou louca por esse livro =D Pretendo comprar em breve <3 Acho muito importante falar sobre transexualidade com a galerinha novinha. É assim que a gente vai mudando o mundo. E sua resenha só me deixou com mais certeza de que eu preciso ler este livro.
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gislaine! Estou bem sim e você? Sim, é mesmo muito importante debater esse assunto com as crianças para que assim a gente possa banir de vez o preconceito das gerações que estão vindo por aí. Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  14. ah, deve ser uma leitura linda e que nos traz vários ensinamentos e reflexões... confesso que nunca tinha ouvido falar antes, e achei válido se tratar de uma obra voltada para o público mais jovem... anotei a recomendação... pena que o final deixou a desejar... mas de qualquer forma, vou querer realizar essa leitura...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria! Fico feliz que tenha gostado da dica e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  15. Olá, achei a proposta do autor incrível e mal posso esperar para conferir por mim mesma! A única coisa que me incomoda é o número de páginas, fico com a preocupação de ser uma história muito corrida justamente como você citou, mas vou tentar mesmo assim.
    Beijos, Luana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana! O único problema do livro foi esse final corrido, mas como um todo essa é uma ótima leitura. Espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  16. Oi Maria Eduarda,
    Que lindo, não conhecia o livro e nem sabia que a galera estava lançando livros nacionais, adoro obras com essa temática LGBT e acredito que esse é um assunto que deve mesmo ser debatido e lido por esses novos leitores. Acho que essa é uma leitura maravilhosa, já quero fazer e olha foi um afago na alma ver uma obra assim sendo publicada num selo desses. Que lindo.
    beijooos
    Conversas de Alcova ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kris!
      Sim, essa é uma ótima leitura, espero que goste quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      P.s. esse livro não é nacional

      Excluir
  17. Nunca li nenhum livro com essa temática, e esse é um erro que preciso arrumar o quanto antes. Sou professora, e lido com isso no meu dia a dia, e muitas vezes uma leitura dessas poderia me ajudar. Quanto ao final ser corrido, isso acontece com muito livros, mas como você mesma diz o importante é a mesnagem.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Fico feliz que tenha gostado da dica. Espero que tenha a oportunidade de fazer essa leitura o mais rápido possível e como você é professora, por favor, trabalhe ele com seus alunos. Beijos

      Excluir
  18. Nada como o olhar de uma criança para ensinar os adultos o respeitos as diferenças. Eu já tinha lido uma outra resenha do livro que na hora me chamou atenção. Este cuidado com o artigo A faz uma grande e sutil diferença;
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pôs é, esse livro se torna muito mais impactante por se tratar de uma criança trans, o mundo precisa conhecer esse livro. Espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de realiza-la. Beijos

      Excluir
  19. Oi, Maria

    Que bacana que George ganha o artigo feminino antes do seu nome, isso é tão libertador e acredito que muitos jovens poderão se identificar.
    Eu me interessei muito pelo livro quando o vi nos lançamentos da editora. Infelizmente não sou parceira, então teria que comprar, mas no momento estou pobre! hahahahaha
    Nunca li nenhum livro com a temática LGBT e acredito que seria uma leitura muito satisfatória.
    Que pena que teve essa ressalva em relação ao final, mas acontece, acredito que o saldo tenha sido positivo.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o artigo feminino foi uma tacada muito certeira do autor; apesar do desfecho, essa história é muito tocante e importante de ser debatida. Espero que goste da leitura quando a fizer, Tamires. Beijos

      Excluir
  20. Olá,
    Menina, que premissa legal traz esse livro. Eu já li outro livro com uma personagem trans e gostei bastante. Só que ela era personagem secundária, e, por coincidência, o final também foi meio... é.
    Esse George deve ser bom. Vou procurar saber mais sobre ele!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Heloísa! Esse livro é ótimo, espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Abraço

      Excluir
  21. Oiiii, esse livro é bem bonitinho, mas, como não vejo a ideologia de gênero como algo real e nem curto muito fantasia eu passo a leitura. Seu post tá fofo, gosto de como você ressalta as idéias e a forma que o autor trabalhou o assunto no tato certinho para crianças, mas, adultos super devem ler. Para mim, não seria uma boa leitura, toda vez que eu lesse A George ia ficar pensando "Que merda a mãe natureza fez hein, aprisionar a menina no corpo errado", sem condições. Mas, pra quem curte, deve ser um romance lindo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiana. Fico feliz que tenha gostado da resenha. Que pena que não tem interesse na leitura. Beijos

      Excluir
  22. Oi, Maria Eduarda! Este livro deve ser incrível! E que chamada linda do autor: "Para todos aqueles que já se sentiram diferentes". <3 Além de ser um tema super atual é também de extrema urgência para ser difundido! Com certeza abraçará a muitos leitores que se sentem diferentes, independente da faixa etária. Acredito que ainda enfrentaremos muita dificuldade para levar leituras assim para o público infantojuvenil, mas é muito bom ver livros dispostos assim! ;) Parabéns pela resenha!

    Bjs,
    Yohana Sanfer
    http://www.papelpalavracoracao.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Yohana! Esse livro é muito importante sim de ser debatido, temos que mudar a cabeça das pessoas a respeito do preconceito e nada melhor que contar com a literatura pra isso, né? Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      Excluir
  23. Oi Eduarda,
    Achei interessante a forma que foi abordado o tema e a maneira de conduzir para o público infantojuvenil. Com certeza a destreza da escrita é levada em consideração, feita de forma simples e envolvente. Mas não é uma leitura que me agrada os olhos, por isso, dessa vez, deixarei passar.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tammy! Que pena que não tem interesse na leitura. Beijos

      Excluir
  24. Oi Maria, tudo bem?

    Simplesmente A-M-E-I a historia e fiquei completamente apaixonada por George <3

    Me encantei ainda mais pelo enredo por ser um plano de fundo de "A Menina e o Porquinho", que é outra historia que morro de amores.

    Dica mais do que anotada! Já preciso ler este livro.

    Parabéns pela resenha (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda! Estou bem sim e você? Fico feliz que tenha gostado da resenha e da dica e espero que goste da leitura quando tiver a oportunidade de fazê-la. Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar!