Favoritos de 2014 (em construção)

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

O Aprendiz, de Taran Matharu | Conjurador #1

Autor: Taran Matharu
Título original: The Novice
Editora: Galera Record
Ano: 2015
Páginas: 350
Sinopse: Em O aprendiz, primeiro volume da série Conjurador, Fletcher é um órfão de 15 anos e, para sua surpresa, conseguiu invocar um demônio do quinto nível. O problema é que apenas os nobres deveriam ser capazes de conjurar criaturas e usá-las na guerra contra os orcs. Mas plebeus como Fletcher também podem ser conjuradores, e o garoto consegue uma vaga na Academia Vocans, uma escola de magos que prepara seus alunos para os campos de batalha. Lá, ele irá enfrentar o bullying dos nobres, mas também aprenderá feitiços e fará amigos incomuns, como anões e elfos. Além de se provar digno de uma boa patente na guerra, Fletcher e seu grupo de segregados precisam se unir e vencer o preconceito que sofrem na desigual sociedade de Hominum.

Este livro conta a historia de Fletcher, um jovem de 15 anos que foi abandonado na porta de um vilarejo chamado Pelego e desde então foi criado por um ferreiro chamado Berdon. Sua vida é simples; ele trabalha com Berdon na confecção e venda de espadas.

O que ele não imaginava era que sua vida começaria a mudar a partir da visita de um velho ex-soldado que vai ao vilarejo para tentar vender armas de guerra e diz ter um livro que promete ter a chave para o fim da guerra que está por vir.

O garoto então fica muito curioso quanto ao livro e o convida pra tomar uma bebida na taverna do vilarejo e logo depois o leva para passar a noite em sua casa.

No dia seguinte ao acordar, Fletcher percebe que o homem já não está mais ali; e acaba descobrindo que ele deixou para trás o livro.
"Você foi um pai melhor para mim do que meu pai verdadeiro jamais poderia ter sido"


Naquela noite, curioso, Fletcher vai escondido ao cemitério do vilarejo, começa a examinar o livro e acaba descobrindo que ele se trata do livro do conjurador, e encontra entre suas paginas um pergaminho com palavras estranhas e ilegíveis  mas ao tentar ler, ele acaba percebendo que entende aquelas palavras e acaba por conseguir conjurar um demônio salamandra.

Logo depois ele escuta passos e vozes se aproximando do local onde está e, assustado, acaba se escondendo dentro e uma cripta do cemitério; depois de um tempo ali, ele juga estar seguro e tenta sair do local, mas, para sua surpresa, Didric, rapaz de quem Fletcher não gosta acaba descobrindo seu esconderijo e os dois começam uma briga durante a qual o demônio conjurado pelo garoto acaba machucando seriamente o outro rapaz.

Assustado e com medo de que Didric esteja morto, Fletcher decide fugir do vilarejo; o garoto então vai parar na cidadela de Hominum, e, chegando lá, encontra um professor da escola de magos Vocans que ao perceber o diabrete de Fletcher o manda para lá.

Ao chegar na escola, o garoto imediatamente encontra amigos, mas também inimigos muito poderosos e acaba descobrindo que seu demônio é um dos mais poderosos que existem e que só um nobre teria o poder de conjura-lo.

A partir dai, ao mesmo tempo que ele tem aulas preparatórias para a seleção de magos capazes de lutar na guerra, ele começa a descobrir coisas sobre seu passado.
"O inimigo do meu inimigo é meu amigo, não é esse o ditado? Queria que os elfos pensassem assim. Com eles seria algo do tipo: o inimigo do meu inimigo está vulnerável, então vamos esfaqueá-lo pelas costas enquanto ele não estiver olhando."
Sobre minha experiencia de leitura: Quando esse livro chegou aqui em casa eu me interessei de cara por sua historia e capa, mas se passou muito tempo até que eu o pegasse para ler; agora que terminei a leitura, me pergunto por que não o li antes.

A mitologia criada por Taran Matharu neste livro é muito bem desenvolvida e sua escrita é muito fluida; todo o livro é muito bem descrito, inclusive as cenas de luta; o que torna a visão desse mundo muito mais ampla e interessante para o leitor, fazendo assim com que não consigamos parar de ler.
“O maior inimigo de um guerreiro pode ser também seu maior professor” 

E o que falar daquele final? A unica palavra que eu tenho pra ele é: DESTRUIDOR. Já quero o segundo livro pra ontem.

24 comentários :

  1. Achei o enredo bem criativo e parece ser um bom livro mas não tenho certeza se leria, eu gosto do gênero mas alguns momentos da história me deixaram com dúvida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que possa mudar de ideia e dê uma chance a essa leitura, Beatriz, vale muito a pena.

      Excluir
  2. Olá Maria Eduarda, tudo bem?
    Não conhecia esse livro, mas achei muito interessante a história e a sua resenha
    Gosto desse tipo de livro, mas não é o meu preferido então não sei se o leria agora, quem sabe mais pra frente
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Estou bem sim e vocé?
      Espero que dê uma chance para essa leitura, vale muito a pena; fico feliz que tenha gostado da resenha. Beijos

      Excluir
  3. Por mais que eu curta ver séries e filmes de fantasia, ler já não é muito a minha praia, apesar de achar as histórias e principalmente as capas interessantes.
    Bjk
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena, Bianca; mas espero que possa mudar de ideia e faça a leitura, garanto que vale a pena. Beijos

      Excluir
  4. Não curto muito ler fantasia, Já em compensação, meu marido ADORA tudo que é isso de Fantasia, RPG, e tudo o mais.
    A capa é linda e que bom que gostou da leitura! Vou recomendar para meu digníssimo!

    beijinho!

    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Recomende pra ele sim, aposto que ele vai adorar. Beijos

      Excluir
  5. Thanks for the review, I enjoyed reading it :-). So glad you liked it!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. It was a pleasure to do this reading, your book is wonderful, congratulations;I am very eager to read the continuation here in Brazil are going to be launched in 2017. Hugs

      Excluir
  6. DESTRUIDOR hauahasuhasuah
    Se eu já quero ler? Sim!
    Aliás, acho maravilhoso essa capacidade do Wattpad de revelar talentos <3

    http://www.eubrunocardoso.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha interessse na leitura, Bruno; espero que goste.

      Excluir
  7. Oi!
    A trama parece ser interessante mas não faz muito o meu estilo, apesar de gostar muito do gênero. Ultimamente ando em uma vibe de romances muito forte e tenho fugido de leituras nesse estilo, mas quem sabe no futuro?
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa! Eu entendo; espero que dê uma chace para essa leitura um dia, e que goste quando a fizer. Beijos

      Excluir
  8. Olá! Eu amo fantasia e já fiquei curiosa para saber sobre esse livro, será que acaba a guerra mesmo? E mais curiosa fiquei por que você disse que o final destruidor, como assim??!!!! Amei a capa. Beijos!

    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana! Fico feliz que renha interesse nessa leitura e espero que goste quando a fizer; sobre o fim da guerra a gente so vai saber nos proximos livros, e sobre o final DESTRUIDOR desse primero... tu so vai saber do que se trata se fizer a leitura rsrs
      Essa capa é realmente muito linda! Beijos

      Excluir
  9. Oi,
    Confesso que sempre tive um pé atrás com esse livro, mas sua resenha me deixou curiosa e saber que você se arrependeu de não ter lido antes me fez add o livro na lista de desejados.
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iris!
      Fico feliz que a resenha tenha te feito se interessar pela leitura; espero que goste quando a fizer. Beijos

      Excluir
  10. Oiee,

    Confesso que quando vi esse livro achei que seria uma imitação dos livros da Sarah J Mass, mesmo não tendo lido nenhum dos livros dela. Gosta de mitologias, e infelizmente só li os do Rick Riordan, quero ler, mas vou esperar lanças os próximos volumes porque essas séries costumam ser enormes. A sua resenha foi a primeira que eu li e fiquei bem curiosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elen!
      Eu também nunca li nada dessa autora, mas pelas resenhas que vi, sei que não tem nada a ver com esse. Fico feliz que tenha interesse na leitura e espero que tu goste quando fize-la. Beijos

      Excluir
  11. Oi,
    Muito bom quando a história é bem escrita e o autor consegue escrever tão bem os detalhes. A descrição das lutas deve ser maravilhosa, parecendo que estamos ali bem ao lado.
    Não conhecia o livro e fiquei curiosa.
    Parabéns pela resenha
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha e que tenha interesse na leitura; espero que goste quando a fizer. Beijos

      Excluir
  12. Já aconteceu comigo de demorar para começar um leitura e me arrepender depois, de tanto que gostei. Eu achei a premissa do livro ótima, e a capa é muito bonita, além disso, gosto muito de fantasia. Vou comprar o livro para dar de presente ao meu sobrinho e aproveito para ler também.

    Tatiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso ta acontecendo comigo com frequência, infelizmente! Fico feliz que tenha gostado da dica e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar!