Favoritos de 2014 (em construção)

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Boa Noite, de Pam Gonçalves

Resultado de imagem para boa noite pam gonçalves
Autora: Pam Gonçalves
Editora: Galera Record
Ano: 2016
Páginas: 240
Sinopse: Alina quer deixar seu passado para trás. Boa aluna, boa filha, boa menina. Não que tudo isso seja ruim, mas também não faz dela a mais popular da escola. Agora, na universidade, ela quer finalmente ser legal, pertencer, começar de novo. O curso de Engenharia da Computação - em uma turma repleta de garotos que não acreditam que mulheres podem entender de números -, a vida em uma república e novos amigos parecem oferecer tudo que Alina quer. Ela só não contava que os desafios estariam muito além da sua vida social. Quando Alina decide deixar de vez o rótulo de nerd esquisitona para trás, tudo se complica. Além de festas, bebida e azaração, uma página de fofocas é criada na internet, e mensagens sobre abusos e drogas começam a pipocar. Alina não tinha como prever que seria tragada para o meio de tudo aquilo nem que teria a chance de fazer alguma diferença. De uma hora para outra, parece que o que ela mais quer é voltar para casa.
Neste livro vamos acompanhar Alina, uma jovem de 18 anos que sempre morou com seus pais e seu irmão mais novo na cidade de Laguna, no interior de Santa CatarinaAlina sempre foi conhecida entre seus familiares e colegas do colégio como "a garota nerd", mas nunca gostou desse rotulo e por isso ela, que acabou de concluir o ensino médio, vê na faculdade de Engenharia da Computação, uma grande chance de derrubar de uma vez por todas essa máscara de nerd e boa moça.

Ela nunca foi uma garota descolada ou popular e isso era o que mais a incomodava, ela queria ser diferente, e assim que entra para uma republica, conhece novas pessoas e começa a frequentar varias festas badaladas, pensa que finalmente vai conseguir deixar seu passado para trás; mas vai descobrir que a faculdade não é o mar de rosas que sempre pensou, vai enfrentar o machismo dentro da sala de aula, majoritariamente masculina, e ainda mais problemas fora dela, com o aumento cada vez maior de casos de abuso sexual causado e sofrido por alunos da universidade e isso vai mudar sua vida para sempre.

Sobre minha experiencia de leitura: Boa Noite é o primeiro livro solo da Pam Gonçalves, que também é booktuber. Anteriormente ela havia escrito O Amor Nos Tempos De Likes, um livro de contos, junto com três amigos, livro esse que eu já tive o prazer de ler e resenhar aqui.
"Acho que a maioria das pessoas que chega na universidade espera que a vida tome um rumo completamente diferente... Obviamente eu também. Tudo o que eu quero é começar de novo. É nisso que eu penso enquanto encaro a parede de tijolinhos à frente. Só quero deixar tudo pra trás e enfim ser alguém legal."
Eu já havia me apaixonado por sua escrita no conto, mas foi nesse romance que a autora me ganhou de vez; ela aborda aqui não só o abuso sexual nas universidades, mas também o racismo, a homossexualidade e o padrão de beleza, assuntos secundários sim, mas que não foram tratados com descaso ou de forma rasa em momento algum, mesmo com menor espaço, esses assuntos foram tratados de forma verdadeira e seria assim como o tema principal.


 A Pam soube muito bem como abordar temas tão sérios e importantes de uma forma real, mais ao mesmo tempo leve e de agradável leitura, que eu não senti em momento algum vontade de largar o livro, tanto que fiz a leitura em exatamente vinte e quatro horas.

Seus personagens foram criados de forma totalmente verdadeira; a ambientação também foi bem descrita, de forma que o leitor se sente ao lado dos personagens o tempo todo, principalmente da Alina, pois é ela quem nos narra sua história.
"As três garotas e eu automaticamente nos unimos no primeiro dia de aula, como se precisássemos daquilo para nos protegermos, e é quase isso mesmo. Inicialmente como instinto e, depois, conscientemente com um time."

E por falar nela, a Alina é uma mulher muito forte que não mede esforços para mostrar sua capacidade e inteligencia, e também para ajudar a todos a sua volta, principalmente as outras mulheres. E por falar em mulheres, gostei muito do clima de sororidade entre ela e suas amigas, que apesar de todas as diferenças, estão sempre se ajudando.

A parte do romance foi construída de forma vagarosa, foi só no final da historia que ele aconteceu de fato, e isso me agradou bastante. Enfim, esse livro foi uma grata surpresa, ele mexeu muito comigo, não sei exatamente o por quê, mas sai dessa leitura com muitas reflexões sobre os preconceitos aos quais somos levados a ter por meio dessa nossa sociedade retrograda e sem educação.



10 comentários :

  1. Boa Noites está na minha lista de desejados e espero ler em breve! Confesso que logo que saiu eu fiquei meio "assim", mas depois que fui lendo sobre ele fui me empolgando. Espero gostar também.

    beijos!

    www.keylinhastureads.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro me surpreendeu demais, é muito bom mesmo; espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir
  2. Acho que o melhor de tudo é quando um livro nos surpreende não é mesmo?
    Eu não tenho muita vontade de ler esse, mas pela sua resenha me parece que as coisas estão nos lugares certos resultado em uma bela história. Claro que se a oportunidade aparecer não vou deixar passar, mas mesmo com sua resenha empolgante, ainda tenho muitos na fila de leituras desejadas :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas! Sim, essa história me pegou de surpresa e acabou me ganhando totalmente. Espero que dê uma chance pra ela algum dia e que goste quando a fizer. Beijos

      Excluir
  3. Nossa li esse livro em dezembro e surteei, gostei muito, foi uma surpresa muito boa, Alina parecia como uma amiga minha ou alguém que está na mesma Universidade que eu sabe? Me identifiquei muito, o que ela viveu de forma geral imagino que é o que muitas de nós vivemos ao entrar na faculdade, as dúvidas, as primeiras festas, a adaptação a uma nova realidade... Fora que a Pam tratou muito bem da questão de abuso sexual que costuma muito ser inviabilizado e abafado pelas reitorias das universidades, é uma luta diária de nós meninas para nos protegermos e tornar visível isso para o mundo, né?
    Gostei muito da resenha retratou um pouquinho do sentimento que tive quando li o livro!

    Beijinhos Bia
    http://janeladela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bianca! Bom saber que não estou sozinha no meu amor por esse livro rs
      Sim a Pam foi muito feliz retratando esse tema de forma tão verdadeira. Fico feliz que tenha gostado da resenha. Beijos

      Excluir
  4. Gostei da premissa, já fiz faculdade, apesar que meu curso, só tinha dois homens, mas em geral na faculdade, sabemos o que acontece, mas a além disso, a personagem parece ser cativante, quem sabe não entra para lista de leitura ainda esse ano.

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Viviana! Faça mesmo essa leitura, garanto que vai valer a pena. Beijos

      Excluir
  5. Também prefiro esses romances que se desenrolam calmamente, e que no final aparece de vez, acho que o amor tem que ser mostrado assim nos livros. Sua resenha me deixou bem instigado a conhecer o livro, fora que gosto da escrita de Pam e a personagem criada por ela, me deixa animado pela leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura quando a fizer. Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar!